Reflexões sobre o perdão...

Em nosso mundo, o perdão é algo ainda difícil de ser praticado, pela maioria de nós. Pedir desculpas por algo errado que fizemos, ainda é algo a ser exercitado diariamente.

Podemos até sentir, interiormente, a consciência de que erramos... Muitas vezes conseguimos pedir perdão, noutras não.

Também é difícil “perdoar”.

Mas que critérios utilizamos para perdoar e para pedir perdão?

O status, a raça, o grau de importância que essa pessoa tem para nós?

O nível de criticidade da ofensa a que passamos ou a que cometemos?

Sim... muitas vezes elegemos, sem perceber, alguns critérios do perdão. E nos achamos no direito de julgar quem deve ser perdoado e quem não deve.

"Se eu conseguir compensar/justificar o que fiz de errado, eu mereço ser perdoado (a)";

"Se for algo que eu nunca cometi/não cometeria, essa pessoa deve ser punida."

Esse mundo ainda carece de evolução. E se aqui estamos é porque nos afinizamos com ele e aqui precisamos muito evoluir ainda.

Emmanuel disse: “... a lei do Senhor julgará no momento oportuno. Somos criaturas igualmente imperfeitas.”.

E se somos imperfeitos, é porque ainda erramos e temos muito o que aprender. Somos tão imperfeitos quanto aquele que nos magoou. Quem somos nós para julgar e determinar quem deve perdoar e ser perdoado? Muitas vezes nós não perdoamos pequenos atos de outros e não enxergamos falhas que cometemos diariamente (e que, seguindo apenas nosso ponto de vista, achamos que não afetará outros).

Quando não perdoamos, na maioria das vezes, emanamos energias não tão boas a quem nos magoou, enfatizando ainda mais a nossa própria mágoa e afetando ao outro. Mas não paramos pra pensar que, ao vibrar dessa forma, estamos diminuindo a nossa frequência e nos colocando em sintonia com Espíritos de baixa frequência, que conseguirão nos influenciar ainda mais em pensamentos negativos, de vingança e de rancor.

E o que estamos fazendo aqui?

Estamos aqui para aprender e evoluir!

Então que saibamos aproveitar o aprendizado que temos na Doutrina Espírita para nos equilibrarmos melhor, superar nossas dores emocionais, nosso “mimo” espiritual.

Vamos amadurecer, espiritualmente falando, vamos nos sintonizar com o tipo de energia que queremos próxima de nós!

Já falamos outras vezes: você é aquilo que emana para o Universo.

Aproveite para fazer uma reflexão sobre como você tem agido em relação às suas mágoas e até mesmo a de outros:

- Tem algo ou alguém a perdoar?

- Cometeu algum ato falho que necessita pedir perdão a alguém?

Imagine o orgulho de não pedir perdão e a mágoa de não perdoar, como dois grandes sacos de lixo, mal cheirosos, que são carregados sobre as costas.

Eles pesam e trazem malefícios à saúde, além de atrair influências negativas.

Você precisa deles ali?

Livre-se desse peso que só se acumula, machuca e atrapalha na realização de seus projetos;

Fique leve, pense leve...

Todos temos a mesma oportunidade de nos refazermos e nos melhorarmos e ela é única!

Viva feliz e viva da melhor maneira cada dia dessa oportunidade.

Com votos de leveza...

Equipe CEIL.

Posts em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procure por Palavras-chaves
Siga-nos
  • Facebook Basic Square

Rua Engenheiro Odebrecht, 87 - Garcia
Blumenau - SC

Brasil

Fone: 55-47-3336-2204

          55-47-99729-8311

Todos os direitos reservados CEIL - Recanto do Saber