Quantas vidas ainda teremos?


Já sabemos o quão difícil e complexo é, passar pelas adversidades e algumas situações das quais somos acometidos durante uma vida. E quantas vidas já tivemos?

Quanto aprendizado já tivemos?

Ao olhar para si mesmo, talvez não perceba a pessoa melhorada que há dentro de você.

Todos somos muito melhores hoje, do que fomos ontem.

Hoje somos a nossa melhor versão.

De fato, não somos perfeitos. Até porque, se fôssemos, não mais precisaríamos estar aqui. E, justamente por isso, não somos melhores do que ninguém.

Aquela pessoa, da qual não temos muita afinidade, ou aquele político que consideramos "corrupto", pessoas que cometeram crimes gravíssimos, estão no mesmo planeta que eu e você.

Eu, você e eles (acima) estamos tendo a mesma oportunidade

Todos os dias ao acordarmos, estamos frente a frente com uma oportunidade novinha em folha, de melhorarmos ainda mais, não importa onde estamos, ou quais títulos temos.

A diferença está em: o que estamos fazendo com essa oportunidade?

E acredite: a oportunidade pode estar naquele "calo" que surgiu em sua vida. Um trabalho, um (a) companheiro (a) difícil de lidar, uma crise financeira, uma doença...

Quando estamos encarnados não podemos escolher as situações que vamos passar, elas já foram escolhidas antes de reencarnarmos ou são frutos das sementes que plantamos.

Mas temos o livre arbítrio de escolher como vamos lidar com elas: reclamando, ficando em casa para não enfrentá-las, ou levantando a cabeça e aprendendo a lidar e, aos poucos resolvendo-as.

E, mesmo na condição de Espíritas, acabamos esquecendo do hábito da oração e esquecendo-nos que temos uma equipe espiritual envolvida em nosso propósito de vida, para nos ajudar a nos reerguermos, nos intuindo e aconselhando. Basta nos sintonizarmos, através de bons pensamentos e da oração.

Quando optamos por reclamar, ou por pensar continuamente, somente no problema, diminuimos a nossa vibração e nos sintonizamos com Espíritos também reclamões, pessimistas, infelizes...

No livro "Aconteceu na Casa Espírita", de Emanuel Cristiano (pelo Espírito Nora), pode-se compreender com clareza o quanto a nossa sintonia influencia em nosso equilíbrio espiritual, emocional e até mesmo físico, quando, na história, uma falange de Espíritos obsessores explica que os problemas financeiros, crises econômicas e políticas do país, nosso envolvimento com problemas materiais, nos fazem entrar numa faixa vibratória não saudável, quando nos fala: "(...) Encarnados esquecem de se vigiar, cultivando o pessimismo, a irritação, os palavrões etc., entrando naturalmente em nossa faixa vibratória, autorizando-nos o processo de influenciação – nem se lembram da oração, que poderia nos afastar completamente, rompendo os nossos propósitos."

E, além de diminuirmos a vibração, nos afastamos dos bons pensamentos e de toda a ajuda que nunca para, de nossos amigos espirituais, que trabalham incansavelmente ao nosso lado, mesmo sabendo de todos os nossos defeitos e débitos dessa e de outras vidas.

Então: quantas vidas ainda teremos?

São grandes filas de Espíritos querendo reencarnar, querendo melhorar, querendo tanto a oportunidade que já estamos tendo.

Mas a escolha é somente de cada um de nós!

Aproveitemos o dia de hoje, a atual vida, para dar, nem que seja, um passo de cada vez. Alcançar um pouquinho por dia: "hoje reclamei menos que ontem", "hoje consegui ser gentil no trânsito" etc.

Mas não deixe estagnar o processo de evolução do seu Espírito.

Bens materiais vem e vão;

Pessoas passarão por nós;

Mas a oportunidade é sua, é individual, e depende unicamente de VOCÊ!

Aproveite essa, que pode estar sendo a sua melhor OPORTUNIDADE!

Com votos de clareza, paz e ânimo de viver!

Equipe CEIL Recanto do Saber.

Posts em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procure por Palavras-chaves
Siga-nos
  • Facebook Basic Square

Rua Engenheiro Odebrecht, 87 - Garcia
Blumenau - SC

Brasil

Fone: 55-47-3336-2204

          55-47-99729-8311

Todos os direitos reservados CEIL - Recanto do Saber